Example of Table Blog layout (FAQ section)

Imprimir

OBITUÁRIO: MORRE O EX-VEREADOR TIM 2000

Escrito por Luís Cláudio Guedes No 01 Fevereiro 2018.

Ator importante nos bastidores da primeira cassação de um prefeito em Manga, no extremo Norte de Minas, o ex-vereador Francisco Farias Gonçalves, o Tim 2000, morreu no final da noite da quarta-feira (31), aos 68 anos, vítima de complicações cardíacas. Tim 2000 foi internado no hospital local algumas horas antes e a notícia da sua morte começou a circular pelas redes sociais por volta das 11h. O corpo do ex-vereador deve ser velado no plenário da Câmara Municipal de Manga a partir da manhã desta quinta-feira.   

O político foi um dos presidentes mais longevos da Câmara de Vereadores de Manga e chegou a presidir aquele parlamento por quatro mandatos consecutivos, o que totaliza oito anos no comando da mesa diretora da Casa.

De estilo circunspecto e de pouca conversa, Tim 2000 esteve no centro de uma das mais graves crises da política local, quando a Câmara cassou, pela primeira na história local, o mandato do ex-prefeito Carlos Humberto Ferreira Salles acusado de improbidade administrativa.

Também sob o comando de Tim 2000, a Câmara de Vereadores mudou para sede própria após décadas de domicílio no prédio da Prefeitura de Manga, onde ocupava espaço bastante apertado. A proximidade do parlamento com o gabinete do prefeito de turno dava um caráter de submissão e dependência em relação ao Executivo local.

Tim 2000 entrou para a política pelo antigo MDB, depois PMDB, e novamente MDB ainda nos anos 1980, levado pelo irmão e advogado Vital Farias Gonçalves, que chegou a disputar a Prefeitura de Manga pouco depois da redemocratização do país, quando o partido de Ulisses Guimarães e Tancredo Neves tiveram papel de destaque. Mais recentemente, Tim 2000 migrou para o PV, onde não conseguiu mais se eleger após três mandatos.

Comentários  

+5 #1 Gilmar Alves dos San 01-02-2018 11:13
Grande amigo Tim 2000, que Deus o tenha.
Condolência a Família.
Citar

Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Entre os termos de uso do espaço para comentários estão a restrição a comentários racistas, misóginos e homofóbicos, além de xingamentos e apologias ao uso de drogas ilícitas, crimes inafiançáveis ou proselitismo partidário. Os comentários serão moderados ou recusados para evitar excessos.


Código de segurança
Atualizar