logo 20182

REVESTIDO COM TEFLON

Ligado .

Petismo militante aposta que imunidade adquirida pode livrar Lula de ataques e calúnias do banditismo virtual bolsonaristaA outra guerra que se promete: montagem de imagens da internet em que Bolsonaro e Lula figuram em posição de enfrentamento

O lulo-petismo tem consciência dos duros e covardes ataques contra o candidato Lula que virão por aí como parte da estragrégia das milícias digitais - e as bem reais - comandadas pelo vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos) durante a campanha  eleitoral, mas, avaliam, que o ex-presidente tem uma espécie de imunidade natural contra os petardos do bolsonarismo.

Uma espécie de ensaio para esse vale tudo diário do despejo de fake news na internet teve lugar há alguns dias com a disseminação de vídeos que associavam o petista a satanás.

Essa tática também é usada sub-repticiamente nos púlpitos país afora por pastores evangélicos ligados ao bolsonarismo.

IMUNIZADO

O nome do jogo é a demonização do candidato petista. Não será por aí, diz um petista de carteirinha, que Jair Bolsonaro e seu exército de malucos vão minar a ampla vantagem que Lula tem nas pesquisas de intenção de voto.

Lula, diz com otimismo essa minha fonte, já passou por tudo que é tipo de acusação, vegetou por quase 600 dias na cadeia e segue firme e forte no imaginário do eleitor brasileiro como, preciso abrir aspas, “o presidente mais popular da História''.

REJEIÇÃO

As sinalizações mais recentes de que Bolsonaro não está morto (ele teve leve melhora nas últimas pesquisas, combinada com uma queda também de Lula - tudo dentro da margem de erro) não abala o otimismo do petista nato.

A rejeição a Bolsonaro, de pessoas que não votariam nele em hipótese alguma, segue superior aos 60%, o que, tecnicamente, inviabiliza sua recondução ao cargo, mesmo passando - como é o mais provável - para o segundo turno.

PELEJA DO DIABO COM O DONO DO CÉU

Bolsonaro, por sinal, é o candidato dos sonhos do lulo-petismo para o segundo turno, pois, supostamente, acionaria um sentimento de urgência para não deixar o país cair nas mãos de um protoditador.

Fora isso, tem o efeito Lula-teflon, em que nada mais pega, porque já teria sido vacinado contra todo tipo de calúnia. Inclusive com o reavimamento da tese de que o petista comandou o governo mais corrupto das história da República. A ver.

A campanha de Bolsonaro já sinalizou que pretende reviver o clima das eleições de 2018, uma espécie de Deus e o diabo na terra do sol, em que o bolsonarismo, claro, se (re)apresentaria como o bem supremo contra comunistas e corruptos, não necessariamente nessa ordem.

A dificuldade aqui é que, depois de quatro anos no cargo, e piloto de um governo desastrado que acentou a miséria e a fome dos brasileiros, fica difícil bater na oposição sem levar chumbo trocado.  

Comentários  
0 # Orlando Dourado de N 26-02-2022 13:31
Eu acho que o Brasil está se afundando em um retrosseco sem voltas, liderando as pesquisas um traidor mentiroso e um ladrão da pior espécie! Eita Brasil velho que vai de mal a pior
Responder | Responder com citação | Citar
0 # wagner 09-03-2022 12:07
já ouviu aquele ditado, quem com porcos se mistura, acaba lambuzado
Responder | Responder com citação | Citar
Adicionar comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Entre os termos de uso do espaço para comentários estão a restrição a comentários racistas, misóginos e homofóbicos, além de xingamentos e apologias ao uso de drogas ilícitas, crimes inafiançáveis ou proselitismo partidário. Os comentários serão moderados ou recusados para evitar excessos.


Código de segurança
Atualizar